ICNF | Autocaravanismo e Campismo Selvagem – Operação de…

A ação desenvolvida durante o último fim-de-semana, à escala das principais áreas classificadas, abrangeu 25 concelhos e envolveu 50 Vigilantes da Natureza, tendo-se realizado 89 ações de fiscalização.

O Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF, I.P.) desenvolveu, no último sábado, uma ação de fiscalização de âmbito nacional dirigida à prática de autocaravanismo e campismo selvagem, denominada “Operação Vacances”. Envolvendo 50 Vigilantes da Natureza e 22 viaturas, a intervenção resultou no levantamento de 46 autos de notícia, 40 por prática de autocaravanismo em local indevido e seis por campismo selvagem, num total de 89 ações de fiscalização.

A operação decorreu nas áreas classificadas, designadamente nos Parques Naturais do Litoral Norte, Tejo Internacional, Serra da Estrela, Sintra-Cascais, Arrábida, Serra de Aire e Candeeiros e Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina, incluindo ainda as Reservas Naturais das Lagoas de Santo André e da Sancha, Dunas de São Jacinto, Malcata, a Paisagem Protegida da Arriba Fóssil da Costa da Caparica e as Zonas Especiais de Conservação das Dunas de Mira e Ria de Aveiro, abrangendo na totalidade 25 concelhos.

Ler mais: https://www.maisalgarve.pt/noticias/nacionais/28446-icnf-autocaravanismo-e-campismo-selvagem-operacao-de-fiscalizacao

Inês de Medeiros aponta habitação e transportes como prioridades…

Autarca tomou posse este sábado para o segundo mandato como presidente da Câmara Municipal de Almada.

 

Foi como “prioridade absoluta” que Inês de Medeiros se referiu à questão da habitação durante o seu discurso de tomada de posse realizado este sábado, dia 16 de outubro de 2021, no Teatro Municipal Joaquim Benite, em Almada. Reeleita presidente da Câmara Municipal de Almada no passado dia 26 de Setembro, Medeiros afirmou, no entanto, que o município irá precisar dos fundos do PRR para executar os planos.

“Só conseguiremos ganhar esta grande batalha de garantir uma habitação condigna e a preços acessíveis para todos os almadenses se a nível nacional todos tiverem a consciência de que esta é uma prioridade absoluta e que uma boa execução dos fundos europeus que a tornam possível não é compatível com jogos de poder e estratégias mais partidárias do que políticas”, avisou.

Ler mais: https://almadense.sapo.pt/cidade/ines-de-medeiros-aponta-habitacao-e-transportes-como-prioridades-para-o-segundo-mandato/

 

GNR apreende 640 quilos de amêijoa subdimensionada na Costa…

A Unidade de Controlo Costeiro (UCC) da Guarda Nacional Republicana (GNR), através do Sub-destacamento de Controlo Costeiro de Setúbal, apreendeu, dia 7 de Outubro, 640 quilos amêijoa-japonesa subdimensionada, com um valor estimado de 6.394 euros, Costa de Caparica, em Almada.

Explica a Guarda Nacional Republicana que, no âmbito de uma fiscalização dirigida à captura e transporte ilegal de bivalves, os militares da Guarda abordaram um veículo que transportava os referidos espécimes. Após análise e aferição do seu tamanho, verificou-se que os mesmos possuíam medidas inferiores ao valor mínimo de referência para a captura e comercialização desta espécie.

Ler mais: https://agriculturaemar.com/gnr-apreende-640-quilos-de-ameijoa-subdimensionada-na-costa-de-caparica/

Incêndio em restaurante provoca queimaduras graves em mulher

Uma mulher de 40 anos sofreu ferimentos graves num incêndio na Costa da Caparica, em Almada. O incêndio deflagrou no restaurante Manjar Alentejano, durante a noite desta quarta-feira, e provocou ainda outros dois feridos, um com ferimentos leves e outro que recusou transporte ao hospital.

O incêndio deflagrou na cozinha do restaurante e foi dominado pelos bombeiros, que evitaram danos consideráveis no espaço. Ao que o JN apurou, as chamas deflagraram numa frigideira com óleo.

Ler mais: https://www.jn.pt/local/noticias/setubal/almada/incendio-em-restaurante-provoca-queimaduras-graves-em-mulher–14219067.html

JÁ ARRANCARAM AS OBRASDA ESTRADA NACIONAL 377-2(estrada florestal)

JÁ ARRANCARAM AS OBRAS
DA ESTRADA NACIONAL 377-2(estrada florestal)

Com um prazo de execução estimado em 240 dias, já começaram as obras de requalificação da Estrada Nacional 377-2, o principal eixo de acesso às praias da Freguesia.

Trata-se de um investimento por parte da autarquia na ordem dos 2,5 milhões de euros que abrange uma extensão de 4,6 quilómetros, no troço compreendido entre a Praça Nossa Senhora dos Navegantes e o cruzamento do antigo restaurante Giramar.

Esta intervenção está “inserida num conjunto de empreitadas de obras públicas” que “representam um investimento superior a 6,6 milhões de euros e visam assegurar o melhoramento e a requalificação das condições de circulação e segurança do tráfego rodoviário e de peões, dada a proximidade do meio urbano, comércio e serviços”.

HOMEM CAI DA ARRIBA FOSSIL QUANDO ANDAVA DE BICICLETA

Um homem caiu de um penhasco com cerca de 50 metros, nesta quarta-feira, quando andava de bicicleta num trilho de BTT em Santo António da Caparica, na Costa da Caparica, Almada.

Vítima, com cerca de 40 anos, está a ser retirada do local e desconhece-se, neste momento, o seu estado de saúde.

Ler mais https://tvi24.iol.pt/sociedade/ciclista/homem-cai-de-penhasco-de-50-metros-quando-andava-de-bicicleta?utm_source=facebook&utm_medium=social&utm_campaign=ed-tvi24

Festival O Sol da Caparica só em 2022

Não era nada que já não tivesse sido falado, mas agora é oficial, a edição 2021 do festival O Sol da Caparica foi cancelada e está de volta em 2022. As razões por esse adiamento são aquelas que todos nós conhecemos, a nova vaga pandémica.

Ler mais: https://noticiasetecnologia.com/festival-o-sol-da-caparica-so-em-2022/

Este restaurante recusa-se a exigir certificados ou testes Covid-19…

Desde o passado dia 10 de julho que passou a ser obrigatório apresentar um Certificado Digital Covid ou um teste negativo à entrada de estabelecimentos turísticos e de alojamento local. Nos concelhos de risco elevado ou muito elevado, o governo determinou que a medida também é aplicável no acesso aos restaurantes, para refeições no interior dos estabelecimentos. Contudo, na Costa da Caparica, há um restaurante que se recusa a seguir as novas regras definidas pelo Conselho de Ministros.

O Xéxéxé é um restaurante de cozinha saudável e vegan que está a funcionar já há três anos e meio na Rua do Grupo Desportivo dos Pescadores. A 11 de julho, o dia a seguir à entrada em vigor das medidas anunciadas pelo governo, Rúben Silva e Cristiana Feio, o casal que é responsável pelo espaço, publicou um comunicado na sua página de Facebook, onde se mostraram “contra a discriminação” e anunciaram a sua recusa em acatar as novas medidas que, defendem, “estão a ser impostas, ilegalmente”.

Ler mais: https://www.nit.pt/comida/restaurantes/este-restaurante-recusa-se-exigir-certificados-ou-testes-covid-19-aos-clientes